Federação Nacional dos Corretores de Imóveis

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

GUY RYDER, NOVO DIRETOR GERAL DA OIT, TOMARÁ POSSE EM OUTUBRO

E-mail Imprimir

GENEBRA (Notícias da OIT) – A Organização Internacional do Trabalho (OIT) elegeu Guy Ryder como seu décimo Diretor Geral. Ryder, que atualmente é o Diretor Executivo do Departamento de Normas e Princípios e Direitos Fundamentais no Brasil da Organização, foi eleito pelo Conselho de Administração da OIT. Tomará posse no cargo em outubro de 2012.

“Estou extremamente contente: esta eleição representa uma grande oportunidade, em tempos de crise mundial, para marcar uma diferença na vida de milhões de pessoas, para melhorar suas vidas, inclusive as das pessoas que jamais escutaram falar da OIT”, disse o Diretor Geral eleito. “Agradeço ao Conselho de Administração pela confiança que depositou em mim. Creio que o significado do que aconteceu hoje será julgado pelo que faremos daqui para a frente, isto é, por saber colocar as necessidades dos jovens, mulheres e homens de todo o mundo no centro de nosso trabalho”.

O presidente do Conselho de Administração, Greg Vines, disse “O Conselho de Administração pode sentir-se seguro de que sob a nova liderança de Guy Ryder a OIT representará efetiva e fortemente o interesse do nosso tripartismo, assegurando que a Organização continue a aumentar sua influência nos debates em nível mundial e, em particular, enfrentando os enormes desafios do mundo”.

O Vice-presidente dos Trabalhadores, Luc Cortebeeck, disse “Como trabalhadores, estamos muito contentes. Guy Ryder conhece e trabalhou na OIT. É alguém que conhece o mundo do trabalho, mas que trabalhará com governos e empregadores além dos trabalhadores. É alguém que sempre defenderá o tripartismo e o diálogo social”.
“Guy Ryder é um excelente profissional com uma vasta experiência nesta casa. Creio que os nove candidatos eram personalidades destacadas”, disse Daniel Funes de Rioja, Vicepresidente dos Empregadores. “ Nós o respeitamos: conhece a casa e esperamos trabalhar juntos a ele. A situação que se vive em nível mundial exige grandes reformas”, acrescentou.

Em um breve discurso durante a sessão pública depois da eleição do candidato, o Diretor Geral da OIT, Juan Somavia, disse: “Minha presença aqui simboliza o total e incondicional apoio da Organização para assegurar uma transição fluida daqui até outubro. Pessoalmente, querido Guy Ryder, Diretor Geral eleito, desejo um grande êxito, alegria e satisfação no desempenho de seu mandato”.

Ryder recebeu 30 dos 56 votos dos membros titulares do Conselho de Administração da OIT. A eleição foi realizada em Genebra. Houve outros oito candidatos para o posto.
O Conselho de Administração convocou a eleição logo depois que o atual Diretor Geral da OIT, Juan Somavia, anunciou sua intenção de adiantar sua saída para 30 de setembro de 2012, 18 meses antes do final de seu terceiro mandato.

Biografia do novo Diretor Geral:

·         Guy Ryder conta com cerca de 30 anos de experiência no mundo do trabalho, a maioria em nível internacional.
·         Nasceu em Liverpool, em 1956, e foi educado nas Universidades de Cambridge e Liverpool.
·         Ryder começou sua carreira no Departamento internacional do Trade Union Congress, em Londres.
·         Em 1985, transferiu-se para Genebra como Secretário da Seção Industrial, Federação Internacional de Trabalhadores, Técnicos e Profissionais (FIET).
·         Em 1998 foi nomeado Diretor Adjunto da OIT em Genebra da Confederação Internacional de Organizações Sindicais Livres.
·         Em 1998 ingressou na Organização Internacional do Trabalho como Diretor do Escritório para Atividades dos Trabalhadores. Em 1999 foi nomeado Diretor do Gabinete do Diretor Geral.
·         Em fevereiro de 2002, Ryder foi transferido para Bruxelas como Secretário Geral da Confederação Internacional de Organizações Sindicais Livres (CIOSL). Em pouco tempo, foi nomeado Secretário Geral da Confederação Sindical Internacional (CSI).

Em setembro de 2010, regressou a Genebra como Diretor Executivo do Departamento de Normas e Princípios e Direitos Fundamentais no Trabalho. Desde então esteve encarregado de supervisionar a aplicação dos Convênios e Recomendações da OIT. Neste contexto, o Diretor Geral recomendou-lhe lidera uma série de missões de alto nível a diversos Estados membros da OIT para enfrentar diferentes questões relacionadas com as normas. Podemos citar por exemplo missões recentes em Bahrein, Colômbia, Fiji, Geórgia, Grécia, Mianmar e Suazilândia.

Também foi responsável pelo trabalho da OIT para completar com êxito a reforma do Conselho de Administração, que entrou em vigor em novembro de 2011.
 
28/05/2012

Fonte: www.oit.org.br

O presidente do Conselho de Administração, Greg Vines, disse “O Conselho de Administração pode sentir-se seguro de que sob a nova liderança de Guy Ryder a OIT representará efetiva e fortemente o interesse do nosso tripartismo, assegurando que a Organização continue a aumentar sua influência nos debates em nível mundial e, em particular, enfrentando os enormes desafios do mundo”.

O Vice-presidente dos Trabalhadores, Luc Cortebeeck, disse “Como trabalhadores, estamos muito contentes. Guy Ryder conhece e trabalhou na OIT. É alguém que conhece o mundo do trabalho, mas que trabalhará com governos e empregadores além dos trabalhadores. É alguém que sempre defenderá o tripartismo e o diálogo social”.
“Guy Ryder é um excelente profissional com uma vasta experiência nesta casa. Creio que os nove candidatos eram personalidades destacadas”, disse Daniel Funes de Rioja, Vicepresidente dos Empregadores. “ Nós o respeitamos: conhece a casa e esperamos trabalhar juntos a ele. A situação que se vive em nível mundial exige grandes reformas”, acrescentou.

Em um breve discurso durante a sessão pública depois da eleição do candidato, o Diretor Geral da OIT, Juan Somavia, disse: “Minha presença aqui simboliza o total e incondicional apoio da Organização para assegurar uma transição fluida daqui até outubro. Pessoalmente, querido Guy Ryder, Diretor Geral eleito, desejo um grande êxito, alegria e satisfação no desempenho de seu mandato”.

Ryder recebeu 30 dos 56 votos dos membros titulares do Conselho de Administração da OIT. A eleição foi realizada em Genebra. Houve outros oito candidatos para o posto.
O Conselho de Administração convocou a eleição logo depois que o atual Diretor Geral da OIT, Juan Somavia, anunciou sua intenção de adiantar sua saída para 30 de setembro de 2012, 18 meses antes do final de seu terceiro mandato.

Biografia do novo Diretor Geral:

·         Guy Ryder conta com cerca de 30 anos de experiência no mundo do trabalho, a maioria em nível internacional.
·         Nasceu em Liverpool, em 1956, e foi educado nas Universidades de Cambridge e Liverpool.
·         Ryder começou sua carreira no Departamento internacional do Trade Union Congress, em Londres.
·         Em 1985, transferiu-se para Genebra como Secretário da Seção Industrial, Federação Internacional de Trabalhadores, Técnicos e Profissionais (FIET).
·         Em 1998 foi nomeado Diretor Adjunto da OIT em Genebra da Confederação Internacional de Organizações Sindicais Livres.
·         Em 1998 ingressou na Organização Internacional do Trabalho como Diretor do Escritório para Atividades dos Trabalhadores. Em 1999 foi nomeado Diretor do Gabinete do Diretor Geral.
·         Em fevereiro de 2002, Ryder foi transferido para Bruxelas como Secretário Geral da Confederação Internacional de Organizações Sindicais Livres (CIOSL). Em pouco tempo, foi nomeado Secretário Geral da Confederação Sindical Internacional (CSI).

Em setembro de 2010, regressou a Genebra como Diretor Executivo do Departamento de Normas e Princípios e Direitos Fundamentais no Trabalho. Desde então esteve encarregado de supervisionar a aplicação dos Convênios e Recomendações da OIT. Neste contexto, o Diretor Geral recomendou-lhe lidera uma série de missões de alto nível a diversos Estados membros da OIT para enfrentar diferentes questões relacionadas com as normas. Podemos citar por exemplo missões recentes em Bahrein, Colômbia, Fiji, Geórgia, Grécia, Mianmar e Suazilândia.

Também foi responsável pelo trabalho da OIT para completar com êxito a reforma do Conselho de Administração, que entrou em vigor em novembro de 2011.
 
28/05/2012

Fonte: www.oit.org.br
 

Conheça!!!!

Banner

Filiada à

Banner
 
 

Tempo

 

Enquete!

Qual a melhor forma de debater temas de interesse dos Profissionais Liberais?
 

Cartilha da Caixa