Federação Nacional dos Corretores de Imóveis

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

CNPL É A PRIMEIRA ENTIDADE A CONTESTAR A NOVA LEI DE LAVAGEM DE DINHEIRO NO STF

E-mail Imprimir

Confederação Nacional das Profissões Liberais entra com Adin solicitando o direito de sigilo nas atividades dos profissionais liberais
 
A Confederação Nacional das Profissões Liberais – CNPL entrou na última sexta-feira, dia 23 de agosto, com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade – Adin, no Supremo Tribunal Federal - STF, solicitando a suspensão de alguns dispositivos da nova lei de lavagem de dinheiro.

As inconstitucionalidades da Lei nº 12.683 são: o profissional liberal deve identificar seus clientes e manter o cadastro de toda sua clientela sempre atualizado; informar ao Conselho de Administração Financeira - COAF toda transação em moeda nacional ou estrangeira, títulos e valores mobiliários, títulos de crédito, metais, ou qualquer ativo passível de ser convertido em dinheiro; e adotar outros procedimentos restritivos perante o órgão.
 
A CNPL, que abrange 27 federações filiadas, mais de 600 sindicatos representantes de 51 profissões e de cerca de 10 milhões de profissionais em todo o País, defende o direito e o dever do sigilo nas atividades dos profissionais liberais.

Anexo:
Texto jurídico explicativo sobre o tema.

Fonte: CNPL