Federação Nacional dos Corretores de Imóveis

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

XXIII Conaci - Congresso Nacional de Corretores de Imóveis

Imprimir
08 a 11 de setembro de 2010 / Florianópolis-SC

XXIII CONACI - Congresso Nacional de Corretores de Imóveis
08 a 11 de setembro de 2010
CentroSul - Centro de Convenções de Florianópolis / Florianópolis-SC

CARTA DE FLORIANÓPOLIS

Prezados (as) corretores e corretoras de imóveis de todo o Brasil. O XXIII Congresso Nacional de Corretores de Imóveis (Conaci), foi um estrondoso sucesso graças a efetiva participação da categoria, que compareceu em grande número e acolheu as propostas de criação de um novo e significativo patamar de desempenho profissional.


Se hoje a indústria imobiliária brasileira retomou o seu papel de locomotiva da economia nacional, não tenham dúvidas de que os corretores de imóveis desempenham um papel preponderante neste cenário de prosperidade.

Este Conaci, realizado entre os dias 8 e 11 de setembro, sob os auspícios e bênçãos da bela e acolhedora cidade de Florianópolis, com a competente e profissional realização do Sindimóveis-SC, Fenaci e parceiros de todas as horas, proporcionou um leque admirável de conquistas e avanços que se tornarão um divisor de águas quando o assunto é o bem estar e o crescimento profissional dos corretores e corretoras de imóveis.

Antenado com os novos tempos, desde sua concepção, este Conaci trouxe em seu bojo várias propostas inovadoras, a começar pelo seu tema central que preconiza que o mundo é nossa casa, e que a sustentabilidade é uma meta que devemos alcançar.

Este tema foi um achado de rara felicidade, pois incute no profissional corretor de imóveis a responsabilidade de agregar o produto qualidade de vida nas futuras transações com seus clientes. Se esta atitude prosperar, por si só, este nosso congresso já terá valido a pena.

Ainda falando no presente, mas com um olhar sempre voltado para o futuro, destacamos também um outro tema afeito à sustentabilidade, mas agora direcionado para o crescimento do ser humano, que é o principal elo na cadeia do bem estar planetário.

Nesta edição do congresso, uma das preocupações basilares girou em torno da qualificação profissional. É uma questão de honra que as entidades representativas dos corretores e corretoras de imóveis lutem e propiciem melhores condições de trabalho e crescimento profissional para os seus filiados.

Por isso, este congresso revolucionou e criou um novo marco histórico ao trazer para o primeiro plano a questão da internacionalização dos corretores de imóveis brasileiros e permitir que eles possam, a partir de agora, atuar em escala global, mostrando ao mundo sua eficiência e competência.

O mercado imobiliário internacional está de olho no Brasil. Prova disso é que neste XXIII Conaci se fizeram presentes representantes das principais entidades do mercado imobiliário mundial como a NAR (EUA), ICREA (EUA) e AEGI (Espanha), e do Reino Unido, que vieram prospectar negócios e trocar experiências com os nossos profissionais.

Ainda no âmbito internacional, o congresso também serviu de cenário para o estabelecimento de um convênio entre a Fenaci e a Hedima, entidade espanhola especializada em ensino a distância, para ministrar cursos de E-Learning, voltados exclusivamente para os corretores de imóveis.

E por falar em assinatura de convênios, a Fenaci e a Fesecovi (Federação dos Sindicatos da Habitação), também firmaram um acordo através do qual as duas entidades máximas da categoria (uma patronal e a outra laboral), uniram esforços em prol do atendimento dos direitos dos corretores de imóveis.

Outro grande ponto de destaque dentro do Conaci foi a realização do 2º Fórum da Mulher Corretora de Imóveis, que discutiu as condições do mercado de trabalho feminino, ao mesmo tempo em que aprovou a criação de uma Comissão Nacional de Apoio às Corretoras de Imóveis.

E como não podia deixar de ser, a atuação do corretor de imóveis, pautada nos mais elevados princípios éticos e profissionais, em consonância, com a sua responsabilidade no desenvolvimento econômico, político e social do Brasil também mereceu destaque dentro da extensa gama de assuntos tratados durante o congresso.

Temos a certeza que os congressistas participantes do XXIII Conaci deixarão Florianópolis imbuídos de um forte espírito de união e um profundo sentimento de orgulho por serem profissionais corretores de imóveis e que, por todo o Brasil, amplificarão a importância de participação nos destinos da categoria, atuando mais fortemente junto ao seu sindicato ou associação de classe.

No encerramento do XXIII Conaci foi lida uma moção em homenagem ao presidente da Fenaci, Carlos Alberto de Azevedo que, em razão de um procedimento cirúrgico de emergência, foi o grande ausente do congresso. Os companheiros corretores de imóveis de todo o Brasil enviaram votos de pronto restabelecimento e o reconheceram de público como um dos principais artífices pelo sucesso do evento.

Enfim, o XXIII Conaci cumpriu brilhantemente seu destino. Foi plural e específico, abrangente e detalhista. Nestes quatro dias de encontro em Florianópolis, foram discutidos com responsabilidade e profundidade o presente e o futuro da nossa categoria. Estamos todos de parabéns e até 2012, na cidade de São Paulo.


Florianópolis-SC, 11 de setembro de 2010.

Antônio Moser
Presidente do XXIII Conaci

Fotos do Evento